Qual a São Gonçalo que queremos?

Não tenho o hábito de copiar ou imitar, mas, convenhamos, a campanha da TV Globo, que antecedeu as eleições gerais de 2018, foi exemplar.

Mas, não precisamos de campanhas pontuais, ocasionais ou esporádicas. Precisamos, isto sim, de consciências ativas e permanentes para remediar, prevenir e até resolver, senão todas as questões que nos afligem, mas pelo menos os mais graves problemas que nos atingem, nos diminuem e nos indignam.

Digo nossos porque eles são nossos mesmos. Pois bem, quem elegeu o prefeito Zé Luiz foi uma suposta maioria dos moradores e eleitores gonçalenses, como eu, que votamos nele. Daí somos nós que devemos tirá-lo da cadeira em que está sentado, afastando com ele todos ou quase todos os demais que estão ao seu lado.

Essa é a nossa resposta a pergunta “qual a São Gonçalo que queremos?” para nós, nossos filhos e nossos netos. A resposta é a insatisfação, a indignação e o asco ao que estamos vendo aí, porque queremos administradores dignos, corretos, honrados e honestos.

E os senhores vereadores?

Ficam pra depois, meus amigos.

Jornalista PEREIRINHA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *